segunda-feira, 22 de outubro de 2012

Resumo - História: Inconfidência Mineira

Foto maior: Tiradentes após seu enforcamento e
esquartejamento. Foto menor superior: Bandeira de Minas
Gerais. Foto menor inferior: Leitura da sentença dos inconfidentes

E aí, galera, o assunto de hoje é Inconfidência Mineira, um dos temas que vai cair na prova do IFBA juntamente com a Conjuração Baiana, mas essa eu ainda vou ter que dar mais uma lida porque não entendi muito bem. Aí vai o resumo que eu fiz:

A Inconfidência Mineira foi um movimento que aconteceu em Minas Gerais, no ano de 1789. Nesta época, o ouro estava em baixa e isso acabou prejudicando os mineradores, mas mesmo assim, a Coroa Portuguesa continuou a cobrar os impostos e eles não tinham como pagar. Então, a Coroa ordenou ao donatário de Minas Gerais que cobrasse os impostos atrasados, a “derrama” o que gerou um sentimento de revolta no povo que se reuniu pra exigir seus direitos e buscar melhoras para a cidade, como: tornar Minas Gerais independente, proclamação de uma república, atrair investimentos estrangeiros para a instalação de fábricas, e a construção da Universidade de Vila Rica. Dentre os integrantes do movimento estavam intelectuais, advogados e poetas, padres, o tenente-coronel dos dragões e um alferes, Tiradentes. Também participaram das reuniões contratadores (cobradores de impostos) portugueses, o principal deles foi Joaquim Silvério dos Reis. Esses contratadores estavam em dívida com a Coroa e para tê-las perdoadas participaram deste grupo como delatores, e isso foi o que levou ao fracasso da Inconfidência. A maioria dos líderes eram pessoas importantes, ricas ou militares e por isso tiveram punição leve, somente o alferes Joaquim José da Silva Xavier (Tiradentes) foi enforcado no largo da Lampadosa e em seguida esquartejado. O esquartejamento de Tiradentes visava a desencorajar novos movimentos nacionalistas.

As perguntas podem cair de várias maneiras na prova, mas eu formulei algumas possíveis a respeito desse tema:
• Quais eram os objetivos dos revoltosos da Inconfidência Mineira?
Dentre muitos objetivos, os principais eram tornar Minas Gerais independente, a proclamação de uma república, atrair investimentos estrangeiros para a instalação de fábricas, e a construção da Universidade de Vila Rica.
• O que gerou a Inconfidência ou Conjuração Mineira?
O ouro estava em baixa, o que causou prejuízos aos mineradores, mas mesmo assim a Coroa continuou cobrando o quinto e eles não tinham como pagar, então, a Coroa Portuguesa resolveu cobrar os impostos atrasados, a chamada "derrama" o que revoltou o povo.
• Qual foi o fim da Inconfidência Mineira?
A maioria dos integrantes eram pessoas importantes, ricos ou militares e por isso tiveram penas leves como prisão ou degredo na África, somente Tiradentes foi enforcado em praça pública e esquartejado.
• Por que este movimento fracassou?
Porque no grupo havia cobradores de impostos da Coroa, que estavam devendo à mesma e trocaram seu perdão pela delação dos planos do movimento.

Acho que essas são as questões mais prováveis que podem cair na prova, mas de repente eles colocam outras, por isso estudem direito o assunto e fiquem ligados aqui no blog (; Ah, pra quem não acompanha o contador regressivo do blog ali embaixo, só faltam 40 dias pra nossa prova, joguem duro nos estudos!

Nenhum comentário:

Postar um comentário